Telefone Atendimento

(11) 4602-4805
(11) 987613435

Encontre
seu  Imóvel

  • Qual Tipo de Negócio ?
  • Venda
  • Locação
  • Selecione uma cidade
  • CABREUVA
  • INDAIATUBA
  • ITAPEVA
  • ITU
  • JUNDIAI
  • MAIRINQUE
  • MONTE MOR
  • PARIQUERA-ACU
  • PRAIA GRANDE
  • SALTO
  • SOROCABA
  • SUMARE
  • Qual o Tipo de Imóvel ?
  • Apartamento/Flat
  • Barracão/Galpão/Armazém
  • Casa
  • Chácara
  • Escritório/Salão/Sala Comercial
  • Fazenda/Haras/Sítio
  • Loft
  • Outros tipos de imóvel
  • Terreno
  • Quartos
  • Indiferente
  • 0 a 2
  • 2 a 3
  • 3 a 4
  • 4 a 5
  • 5 ou mais


IMÓVEIS EM  DESTAQUE

Casa

4 Quarto(s) | 2 Suíte(s)
COND. ZULEIKA JABOUR
SALTO-SP
Cód: CSC-300

$880,000.00

Casa

2 Quarto(s)
MADRE PAULINA
SALTO-SP
Cód: LOC-141

Casa

2 Quarto(s)
JD. MARILIA
SALTO-SP
Cód: CS-313

$230,000.00

Apartamento

2 Quarto(s)
VILA ROMAO
SALTO-SP
Cód: LOC-074

Locação:$1,100.00

Sobrado

3 Quarto(s) | 2 Suíte(s)
COND. ZULEIKA JABOUR
SALTO-SP
Cód: CSC-218

$1,500,000.00

Terreno


COND. SANTA IZABEL
SALTO-SP
Cód: LTC-137

$100,000.00

Duplex

3 Quarto(s) | 1 Suíte(s)
JD. DOS TAPERAS
SALTO-SP
Cód: LOC-149

$496,000.00
Locação:$2,500.00

Terreno


VILA DOS EUCALIPTOS
SALTO-SP
Cód: LT-156

$88,000.00

Apartamento

2 Quarto(s)
ED. ITALIA
SALTO-SP
Cód: LOC-041

Locação:$1,100.00

Apartamento

3 Quarto(s) | 1 Suíte(s)
GREEN PARK II
SALTO-SP
Cód: CSC-291

Casa

3 Quarto(s) | 1 Suíte(s)
JD. CELANI
SALTO-SP
Cód: CS-306

$390,000.00

Casa

3 Quarto(s) | 1 Suíte(s)
COND. CENTRAL PARQUE
SALTO-SP
Cód: CSC-288

ÚLTIMOS CADASTRADOS

$320,000.00

Apartamento
2 Quarto(s)
| 1 Suíte(s)
JD. DOS TAPERAS
SALTO-SP

$245,000.00

Casa
2 Quarto(s)
| 1 Suíte(s)
SANTA MARTA
SALTO-SP


Locação:$1,800.00

Apartamento
2 Quarto(s)
BARRA
SALTO-SP

$880,000.00

Casa
4 Quarto(s)
| 2 Suíte(s)
COND. ZULEIKA JABOUR
SALTO-SP

$295,000.00

Casa
2 Quarto(s)
COND. RESIDENCIAL CONTE
SALTO-SP

$1,800,000.00

Casa
3 Quarto(s)
| 1 Suíte(s)
CHAC. VENDRAMINI
SALTO-SP

NOTÍCIAS

Reforma da Previdência pode render economia de até R$ 1,3 trilhão em 10 anos, diz Guedes

Estimativa é maior que a do projeto apresentado pelo governo Temer; sobre o IR cobrado das empresas, Guedes disse que o governo analisa reduzir alíquota de 34 para 15%. O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta quarta-feira (23) em Davos que a proposta de reforma da Previdência que está sendo estruturada pelo governo pode render uma economia de R$ 700 bilhões a R$ 1,3 trilhão em dez anos. A declaração foi feita em entrevista à agência de notícias Reuters durante o Fórum Econômico Mundial na estação de esqui suíça de Davos. O ministro da Economia, Paulo Guedes, durante almoço nesta quarta (23) no Fórum de Davos Alan Santos/PR Se os números se confirmarem, a reforma proposta de reforma do governo de Jair Bolsonaro pode chegar a dois terços a mais do que o esforço da gestão de Michel Temer, que não conseguiu avançar com o projeto no Congresso. A proposta original de Temer previa economia de R$ 800 bilhões em 10 anos. Após sofrer alterações no Congresso, a medida passou a ter economia estima em R$ 480 bilhões, mas ainda assim o projeto não avançou. "É uma reforma significativa e nos dará um importante ajuste estrutural fiscal", disse Guedes, apontando que os números ainda estão sendo estudados. "Isso terá um poderoso efeito fiscal e vai resolver por 15, 20, 30 anos", disse ele, que acrescentou: "É isso ou seguimos (o caminho da) Grécia". Mais cedo, Guedes já havia defendido a reforma da Previdência em entrevista à Bloomberg TV. Na terça-feira (22), também falou sobre o assunto em almoço fechado organizado pelo Itaú Unibanco, no qual repetiu que, se não for aprovada, tem um plano B. O ministro daria entrevista coletiva nesta quarta, e a expectativa era que ele detalhasse a proposta do governo para a reforma da Previdência. No entanto, Guedes cancelou as manifestações à imprensa que faria ao lado de Bolsonaro e os outros ministros que integram comitiva brasileira no Fórum - Sérgio Moro (Justiça) e Ernesto Araújo (Relações Exteriores). Mesmo com o cancelamento, as últimas declarações de Guedes sobre a reforma da Previdência têm sido bem recebidas por investidores nos mercados financeiros brasileiros. Nesta quarta, o Ibovespa subiu e voltou a atingir pontuação recorde de fechamento, e o dólar interrompeu uma sequência de 6 altas sobre o real. O presidente Jair Bolsonaro concede entrevista à Bloomberg nesta quarta, durante o Fórum de Davos Alan Santos/PR O presidente Jair Bolsonaro também comentou a reforma da Previdência nesta quarta em Davos. Em entrevista concedida para a agência de notícias Bloomberg, ele afirmou que a alteração na legislação previdenciária dos militares vai ser feita apenas "em uma segunda parte da reforma". Impostos e estatais Ainda na entrevista à Reuters, Guedes comentou o Imposto de Renda cobrado das empresas. O ministro afirmou que governo analisa reduzir a alíquota de 34% para 15%. Esse corte "brutal" seria compensado pela taxação de dividendos, hoje isentos, pontuou Guedes. Segundo ele, essa mudança aumentará a competitividade. Dividendos, juros sobre capital próprio: entenda os termos usados por Guedes em Davos Segundo a agência, Guedes disse ainda que o governo pretende reduzir a carga tributária do Brasil para 30% do Produto Interno Bruto (PIB), de 36% atualmente. O ministro sinalizou também que o governo considera extinguir 50 estatais num prazo de 3 a 5 meses. À Bloomberg TV, Guedes havia dito que o governo espera levantar US$ 20 bilhões (cerca de R$ 75 bilhões) em privatizações neste ano.

Alta do diesel nas refinarias desde o fim do programa de subsídios supera 10%
Nesta quarta, Petrobras anunciou elevação de 1,1%, para R$ 1,9998 por litro. A Petrobras anunciou nesta quarta-feira (23) aumento de 1,1% no preço do diesel em suas refinarias, enquanto manteve a cotação da gasolina, de acordo com informação publicada em seu site. O reajuste, válido a partir de quinta-feira, elevou o preço do diesel para R$ 1,9998 por litro. Desde o fim do ano passado, quando terminou o programa de subsídios que mantinha os preços do diesel controlados, o valor médio do combustível da Petrobras já subiu mais de 10% nas refinarias. A estatal não comentou nesta quarta-feira os motivos do ajuste no preço, em dia em que o dólar quebrou uma sequência de seis pregões de alta - o câmbio é um dos parâmetros para as mudanças das cotações da estatal.
Quanto custa um gol? Estudo de Campo faz balanço sobre preço de ingressos no Brasil

A paixão pelo futebol no bolso do torcedor: Estudo de Campo faz balanço sobre preço dos ingressos no Brasil. Entre times que disputaram o Brasileirão, o campeão Palmeiras teve o preço médio mais caro, de R$ 67. Custo médio entre todos os times foi de cerca de R$ 30. Veja o vídeo do Seleção SporTV. Samy Dana - estudo de campo Reprodução/Seleção SporTV

CRECI 76.460

Avenida Dom Pedro II, 604
SALTO / SP
CEP 13.320-240
Tel. +55 (11) 4602-4805
debarrosimoveis@gmail.com

Desenvolvido por
Sites para Imobiliaria